Homem de Marte, Homem da Lua… Terrores que refletem o “Homem da Terra”!

pia21697_modest
Figura 01

Há oito dias, os sites e canais relacionados/destinados à Astronomia e aos amantes do espaço, não param de comentar sobre a imagem do relevo do Planeta Marte, publicada pelos cientistas do Laboratório de Propulsão da Nasa.  A imagem captada pela câmera do Sistema Térmico de Emissão de Imagens da Mars Odyssey (Figura 01) revelou traços que lembram um rosto desenhado na areia.

Nova Imagem
Figura 02: “Estão vendo o que eu vejo? É um rosto que está me olhando”.   Fonte: https://twitter.com/Rainmaker1973

 

Astrônomos “brincam” com a ideia postando a imagem e a frase “Estão vendo o que eu vejo? É um rosto que está me olhando” (Figura 02).

Esse não é o primeiro caso de “rosto alienígena” que causa tumulto. Em 2008 as redes sociais e noticiários bombardearam especulações na foto que mostrava um homem verde, em Marte. 

marte
Figura 03.

O suposto “homem verde de Marte” (Figura 03) não passou de um efeito de sombra e reflexão em uma rocha, no momento em que a sonda fez a imagem.

luanasavideoyoutube
Figura 04

Em 2014, a sensação foi o “suposto alienígena” fotografado na Lua (Figura 04). 

Sempre tem alguém tentando “fixar” na mente das pessoas a ideia de que os alienígenas existem e que poderão atacar a Terra. As notícias são divulgadas como se representassem um aviso de segurança: “CUIDADO! Eles estão chegando”. 

Não estou me opondo à ideia de que vida inteligente exista no Universo. Mas me nego a acreditar que esta vida viaje toda essa imensidão para destruir uma população. Isso é criação da raça humana! Estamos tão mergulhados em dor e crueldade no nosso planeta que, para nos confortar, preferimos acreditar na ilusão de que existem outras raças muito mais cruéis do que nós e que, a qualquer momento, elas invadirão nosso planeta e nos aniquilarão!

Já foi comprovado que, em nosso Sistema Solar não existe vida inteligente! – Mas existem ET’s! Se você não sabe, ET significa extraterrestre que, significa “fora da Terra”! Para mim, qualquer coisa fora da Terra é Extraterrestre!

A sonda Voyager cumpriu (e muito bem!) a sua função, no aspecto de investigar o Sistema Solar! Desde setembro de 2013 ela está sozinha lá em cima, numa imensidão que não conhecemos, mas quem sabe, um dia, teremos tecnologia suficiente para viajar além desse limite (Sistema Solar) e resgatá-la… Isso se ela ainda estiver por lá! heheheh – Acredito que não estamos sozinhos no Universo. Seria hipocrisia acreditar que nessa imensidão toda só nós “vingamos”. Devem existir outras raças por aí que também são inteligentes. De fato, não devem se parecer conosco, pois é comprovado, cientificamente que, a vida como a conhecemos, só é possível nas condições da Terra e, nisso, como diria o astrônomo Carl Sagan, nós tivemos muita sorte!

Então, cuidado quando ler uma notícia sensacionalista de que existem homens alienígenas na Lua, Marte ou qualquer outro planeta do nosso Sistema Solar!

Ficou curioso sobre a Voyager? Leia aqui!

 

Um espetáculo sem hora marcada!

Você sabia que a constelação Órion, em breve, perderá seu ombro direito? O ombro direito dessa constelação é representado pela estrela Betelgeuse  que  está morrendo (foto 1).

orion_head_to_toe
Foto 1: Betelgeuse brilhando avermelhada no canto superior esquerdo da constelação de Órion. Foto de Wikimedia Commons.

Por ser uma supergigante vermelha,

Mas ela definitivamente não terá uma morte serena, muito pelo contrário. Como uma boasupergigante vermelha (ela é 20 vezes mais massiva, 890 vezes maior e emite 125 mil vezes mais energia que nosso sol!), seu último suspiro promete ter desdobramentos cataclísmicos, resultando naquilo que a ciência considera um dos eventos mais violentos e extremos da natureza – uma supernova.

Quando isso acontecer, Betelgeuse vai deixar de ser uma das estrelas mais brilhantes da noite terrestre para virar um objeto muito, mas muito maior. Seu tamanho e brilho podem se tornar equivalentes aos da lua cheia, e ela será facilmente visível até durante o dia por alguns meses ou anos. Depois disso, desaparecerá por completo. Mas quando isso vai acontecer? Nem os astrônomos sabem ao certo.

As estimativas variam de cem mil até um milhão de anos, sendo que o primeiro cenário é o mais provável. Mas a verdade é que ainda sabemos pouco sobre Betelgeuse, até mesmo a distância da estrela continua sendo alvo de debates. Um estudo recente trouxe evidências de que ela está a 650 anos-luz da Terra – isso é longe o bastante para garantir que, quando vier a supernova, não correremos nenhum tipo de risco. Mesmo que para nós cem mil anos possa parecer muito tempo, em uma perspectiva cósmica isso é um piscar de olhos. E levando em conta o tanto que ainda não conhecemos sobre este sol distante, dá até pra nutrir uma (minúscula) esperança de que ele exploda hoje à noite… Ou já tenha explodido!

 

Fonte: Revista Galileu

No dia 20 de julho a humanidade completará 48 anos do seu “pequeno passo para um homem e um grande salto para a humanidade” (ARMSTRONG, 1969)!

primeiro_homem_lua.html

Serão 48 de uma história que para muitos representou uma porta para o progresso das Pesquisas Espaciais e científicas, mas para outros, não passou de uma briga política por poder, status e um fato forjado.

Há cerca de 2 anos, o site The Project Apollo Arquive (“Projeto Apollo”) disponibilizou mais de 8 mil imagens das missões espaciais que levaram o homem ao solo lunar entre 1969 e 1972. A coleção inclui todas as fotos feitas na superfície da Lua pelos astronautas, com câmeras Hasselblad instaladas no peito. Em julho, essa aventura completará 48 anos. Que tal conferir as imagens desse grande fato histórico?

CLIQUE AQUI E VEJA AS IMAGENS!

Fonte: CatracaLivre

 

“Você não é uma nota!”

Dedico essas palavras aos meus alunos que dizem que não são inteligentes e/ou não são capazes! Todos somos inteligentes em diferentes formas. Todos somos capazes!

“A capacidade de termos respostas não está em uma medida de nota ou (‘conceito’), mas sim, na habilidade e mobilidade que temos para correr atrás delas!”

Talissa Rodrigues

14657267_1125671627481881_789692120073456673_n

“Passei 14 anos da minha vida aqui, dentro de sala de aula, não só eu mas todos os que tiveram o privilégio de adentrar no sistema educacional e se manterem até o final.
O que eu aprendi na maior parte do tempo foi que eu era um completo idiota por não saber fazer uma “simples” conta de dividir, ou que eu era um ser totalmente aculturado e deslocado por não saber conjugar um verbo no pretérito-mais-que-perfeito. Aprendi que eu deveria me matar de estudar, deveria passar horas copiando matéria de quadro, aprendi que meu colega que sempre tira 10 nas provas é superior a mim e que se eu não fosse bem nessas provas eu não seria absolutamente nada na vida e cairia no subemprego.
Num belo dia um grande mestre citou a frase da foto pra mim, “você não é uma nota, você é muito mais do que isso”- ele disse. Demorou um tempo até eu entender o verdadeiro significado daquilo e perceber que o meu 2 em matemática não representava a minha capacidade de raciocínio e que não saber balancear uma reação química não tem relação nenhuma com ser burro ou ser inteligente.
Eles nos enganaram a vida inteira e nos levaram a acreditar que somos um número, eles querem que sejamos 10 ou 3 e nada é tão limitante quanto isso, sabe porque ? Porque você é muito maior do que qualquer número que você possa alcançar numa prova, os seus talentos e qualidades superam qualquer infinidade de números. Você é bom sim e não é aquela nota mediana ou baixa que vai dizer o contrário! Pare de se massacrar com toda essa história de “eu não sirvo pra nada”, não tem nada de errado com você, errado é esse Sistema Educacional que insiste em fechar as nossas possibilidades num quadrado e julga qualquer coisa que fuja da regra como loucura. Loucura é passar a vida achando que você não é bom o suficiente.
Todo o meu amor e admiração à minha escola e toda equipe docente, mas todo o meu desprezo ao nosso falho Sistema Educacional.”

Texto extraído da página pessoal de Lorran Correa.